Escolha uma Página

3 Pontos para Um Bom Projeto de Arquitetura

out 10, 2018Arquitetura

por FERNANDA POLLI

@fepolli 

5 min de leitura

Todo arquiteto sonha em um dia ter seu trabalho reconhecido, seja por meio de premiações ou a simples publicação de um projeto em revista ou site da área.

Projeto tem que tornar-se obra construída, e para isso é importante que o projeto siga 3 pontos importantíssimos na Arquitetura:  Estética, Funcionalidade e Exequibilidade.

Cada ponto depende do outro para que isso que chamamos de projeto seja de fato Arquitetura.

Vamos então entender o que é cada um deles.

Estética

Sim, o projeto tem que ser bonito, “mas tem que ser funcional…” também, já vamos chegar nesse ponto. Projeto bom tem que considerar, e muito a estética, e quando eu falo em estética não estou me referindo a materiais caros, produtos importados ou peças de decoração que você só encontra em leilão. Estética está na harmonia das cores, na composição dos materiais, na organização e arranjo dos ambientes e em tudo que deixa a arquitetura mais harmoniosa e bonita.

Para que isso possa ser possível existem  alguns princípios estéticos que não devem ser deixados de lado.

Independente do estilo buscado, é importante buscar algo Atemporal. Sim, meus amigos, o revestimento e a cor que estão na moda são lindos, mas já pensou que uma casa, em geral, tem uma vida útil de 20 anos. Você pode simplesmente enjoar desses Itens que estão na moda hoje e acabar tendo que reformar porque não consegue mais conviver com aquela bacia sanitária rosa bebê.

A Casa Cor e o Pinterest são fontes de inspiração e referência, não deixe se levar por eles e acabar com uma escola de samba em casa.

Funcionalidade

Uma casa tem que ser uma casa, uma padaria tem que ser uma padaria, um hospital que ser um hospital e assim por diante. E o que eu quero dizer com isso? Vou usar o exemplo do hospital. Um hospital recebe pacientes, faz cirurgias, consultas, exames, medicação de pacientes e dificilmente funcionaria em um outro lugar que não foi projetado para tal. Cada projeto sem seu programa de necessidades, que vem desde o comecinho, posso dizer que é com ele que damos o pontapé inicial em qualquer projeto.

Arquitetos também se preocupam com as questões de ventilação, conforto térmico, eficiência energética, e muitas outras, porque convenhamos ninguém consegue viver em uma casa que não tem condições mínimas de salubridade. Nós arquitetos temos uma responsabilidade social e ambiental em tudo o que criamos.

Exequível

A palavra parece difícil, mas é o ponto mais importante deste post. De nada adianta ser bonito e funcional se não é possível de ser construído, tanto por uma questão estrutural, como por uma questão financeira.

O cliente precisa ter condições financeiras para dar vida a aquele projeto e ter noção do que está sendo projetado e os gastos necessários para isso desde o início.

E o projeto precisa também ficar de pé. Projetos de estrutura e de fundações complementam o de arquitetura e possibilita a construção.

Bom é isso, se você ficou com alguma dúvida ou tem um sugestão para os conteúdos aqui do blog, é só deixar um comentário aqui em baixo. Compartilha esse post com os seus amigos e até mais.

Todo mundo consegue começar uma obra ou reforma, mas é preciso muito mais do que se imagina para conseguir terminá-la.

Realize o Quiz Reforma Perfeita, analise o seu resultado e aprenda melhor sobre como utilizar referências, projetar, planejar e executar reformas, de forma mais segura e tranquila, para que o resultado final supere suas expectativas, e não custe e dure mais do que deveria.

loading...

Pin It on Pinterest